Jogos e Eventos. > Rescaldos

Patex2008

(1/9) > >>

paras:
Operação Patex08

ORGANIZADO PELOS GOFE

Milsim puro e duro :roll:  , bem foi bem mais que isso  :D mesmo uma operação Militar com inicio ponto reunião 23h de sexta 10/10/08  01h00 da madrugada de sabado 11/10/08 e termino 8h30m da manha de Domingo 12/10/08 foram cerca de 30horas nonstop em ambiete hostil onde desempenho consistia em missões de Recon e assim ao fim destas horas todas posso vos dizer que nem um tiro dei :D
Resumindo :Deu-se um Brinfing ao que de seguinda fomos feitos prisioneiros (todas patrulhas ) onde todos recolheram ao local designado para montar acampamento e aguardar novas ordens em que por volta das 5h00 da madrugada estando todos descansar e dormir nas tendas foram-nos buscar 11ªC.A.T. (Paras e LEGIO) e Rangeres ( SeeKned e Trasher) que fazia-mos parte da patrulha Bravo . Assim que saimos colocara-nos um gorro na cabeça e vendaram olhos , so nos permitiram levar uma AEG e uma MRE levara-nos e colocaram-nos numa viatura em que fomos largando num ponto  que tinha-mos que com mapa e bussula ir até um outro ponto que teria novas indicações e por ai adiante. Para quem não estiver psicologicamente preparado e desponivel é muito DURO e Violento


Só digo que palminhei Kilometros e mais Kilometros de terreno com fuga e evasão pois GOFE não nos davam descanso com perseguições tanto a pé como de viaturas :D

Quero Dar os Parabéns aos GOFE pois realizaram uma demonstração Militar PURA ao promenor e sempre mas sempre com um cuidado enorme para que cada participante estive-se bem pois preocupação-se com segurança de cada 1.
AXO que dar Parabéns é pouco para o que nos presentiaram com evento desta envergadura em que nem 1 Cêntimo nos pediram.
As restantes equipa Parabéns pois sabem tão bem como eu o que sentimos na pele  :twisted:  :twisted:  :twisted:

P.S. Gostava de ver aqui mais rescaldos pois não sou muito de palavras :roll:


PARAS e LEGIO


SeeKND


Trasher

2cmdt-gofe:
Camarada Paras apenas uma pequena correção em relação ao nome da OP.

OP.PATEX 2008

Mais tarde postarei o rescaldo oficial do GOFE.

Um abraço.

GatoFz:
Esta foi a linha de situações que levaram as equipas a cumprir as tarefas encontradas no decorrer da OP PATEX 2008.

Durante o evento foram feitas várias simulações eis quais:

Campo de prisioneiros.
       As equipas foram entregues a um campo de prisioneiros após a sua captura em terreno inimigo .

Transporte de prisioneiros.
        As equipas em transporte de prisioneiros, que iriam ser entregues a outro campo.

Fuga e evasão.
        Acidente envolvendo a viatura de transporte e uma mina anti-carro, proporcionou a oportunidade de fuga á equipa.

Sobrevivência.
        Infelizmente prisioneiros não são transportados com o seu equipamento de combate, logo a fuga deu se com o que tinham vestido, e o pouco que encontraram nos destroços da viatura que os transportava.  Primeiro passo de sobrevivência passou por sair do local de acidente, não fosse uma patrulha inimiga aparecer.

Orientação.
       Sobrevivência necessita de um plano, o qual normalmente passa por chegar a uma área segura ou neste caso território amigo. Para tal e necessário saber onde estamos e para onde queremos ir.

Desorientação.
       Para quem trata a orientação por tu, foi vos deliberadamente passados dados errados para introduzir o factor desorientados no terreno, de modo a criar stress.

Reconhecimento de Ponto de Navegação.
        A orientação mais eficaz passa por determinar pontos de passagem até ao destino final, no entanto antes da aproximação final desses pontos deverá sempre certificar se que o ponto é seguro.

Comunicações.
         Com os meios de comunicação, encontrados pelas as equipas, a possibilidade de comunicar com o centro de operações amigo, na tentativa de solucionar uma extracção ou receber missões passou a ser uma constante.

Cumprimento de Missões.
        Croqui: elaboração de um croqui que compete a introdução de vários dados tais como, grupo data/hora, azimute de observação, norte magnético, descrição visual da observação e etc. Nem sempre se encontra há mão uma máquina digital xpto, e como tal somos presenteados com esta tarefa.  

        Reabastecimento: A equipa encontrava se em necessidade de reabastecimento, pois provinha de uma situação, de fuga e evasão, e passara a estar em situação de patrulha de reconhecimento em território inimigo. Como tal foi estipulado um ponto de reabastecimento com o CENOP (centro de operações).
       
        Reconhecimento: Começou a patrulha de reconhecimento, o comando ordenou que a equipa fizesse reconhecimento a uma ponte no terreno.

        Inutilização de meios: Neste caso o meio era a ponte que servia de ligação terrestre entre várias instalações inimigas, no cumprimento desta tarefa usou se meios aquáticos (bote) e meios suspensos. (rapel)

        Extracção da equipa: Missão cumprida só resta agora sair do terreno contudo nem todas as extracções são bonitas e fáceis pois devido a condições atmosféricas o helicóptero não apareceu no ponto de extracção (LZ). Tudo que foi feito a partir deste ponto resume-se á extracção da equipa de reconhecimento, no entanto tiveram alguns percalços e até uma pequena missão de reconhecimento inopinada que se encontrava no seu caminho.

Extracção do terreno por meios próprios. (Pernas)
        Travessia de rio: Após a tentativa falhada de extracção via heli, a equipa iniciou a sua própria extracção começando por ultrapassar um obstáculo natural na qualidade de um rio, usando meios aquáticos que encontrou.

        Reacção a emboscada: A equipa sofre uma emboscada logo após a travessia do rio que reage da melhor forma possível.

        Posto de observação: A equipa em caminho recebe directivas do CENOP que deverá estabelecer um posto de observação em determinada área pois foi relatado um nível de actividade inimiga elevada.

       Fogo de Apoio: Após o relatório do PO a equipa volta á sua extracção, no entanto depara se com mais uma obstáculo, desta vez na qualidade de uma patrulha de viaturas de combate inimiga, a equipa já perto de território amigo a uma distancia que lhes permite pedir fogo de morteiros, visto a equipa não possuir meios anti-carro, e foi então executado os tiros de morteiros com base nos dados fornecidos pelas as equipas no terreno por forma a eliminar o obstáculo.

        Tiro de combate em ambiente NBQ (nuclear, biológico e químico): O encontro de mais um obstáculo na qualidade de uma patrulha apeada inimiga com meios de guerra biológica, o que obrigou  a utilização de mascaras de gás e a eliminação do inimigo, utilizando também o lançamento de granadas, por forma a eliminar um ninho de arma pesada anti-pessoal.

        Extracção:  Após varias horas, kilometros e dificuldades, equipa consegue por fim chegar a território amigo.


Da minha parte os meus agradecimentos a todos os que participaram, e em especial ao vosso cumprimento das nossas regras.

Deixo o rescaldo para o nosso 2ºCMDT

Lobo:
Os meus parabéns aos GOFE !

Lobo
COMSUBAIR

bear:
Fotos,não existe?. :roll:  :lol:  :lol:

Abraço.

Bear

Navegação

[0] Índice de mensagens

[#] Página seguinte

Ir para versão completa