Autor Tópico: [Review] Botas Delta HanWild  (Lida 624 vezes)

laborda

  • [PT]Airsoft - Full Member
  • *
  • Mensagens: 452
    • Ver Perfil
    • laborda Official
  • Equipa: SOD - Stormtroopers of Dead
[Review] Botas Delta HanWild
« em: Fevereiro 07, 2018, 09:06:51 am »
  • Publish
  • Boas pessoal!
    Mais uma review, desta vez sobre umas botas táticas. Preparem-se porque esta vai ser longa…

    HanWild Delta Tactical Boots

    Vou ser sincero. Não conhecia este fabricante e não tenho qualquer tipo de feedback de outros utilizadores.
    De qualquer forma, decidi experimentar estas botas por ser o modelo Delta. Sempre gostei deste modelo, e como já tive umas originais, queria fazer a comparação.
    A verdade é que fiquei bastante desiludido quando recebi as botas em casa.
    Passo a explicar o porquê.

    Modelo:

    Eu não gosto da típica bota militar de cano alto, lisa e simples. Já este modelo, tem uma série de pormenores que lhe dão um aspeto mais “agressivo”. É esse design “agressivo” que me cativa nos modelos Delta.
    Até aqui, não tenho nada a apontar.



    Acabamentos:

    É aqui que a coisa começa a complicar. Embora tenha um design apelativo, quando comecei a ver mais de perto os pormenores, fui ficando cada vez mais desiludido.
    O material tem um aspeto bastante artificial, ou seja, agarramos nas botas e vemos logo que estão ali uma botas LowCost.
    Em termos de linhas de cozedura, é uma desgraça. Existem zonas mal cozidas, com padrões diferentes, linhas soltas, e em certas zonas, ao cozerem as botas parece que nem se preocuparam em fazer aquilo a direito.
    A sola da bota na zona do calcanhar vê-se que foi colada à bota. Até aqui tudo bem, mas… podiam ter colado direito pelo menos. A borracha que reforça a zona do calcanhar vem mal colada e descaída para um dos lados.
    Outro pormenor é o topo da bota. Na zona onde acaba a bota, num dos lados, o couro é maior que no outro lado. Ainda pensei que fosse estética da bota, mas quando agarrei na outra os tamanhos eram iguais. Ou seja, parece que não se importam com a simetria de ambos os lados. Cozem e depois se os lados ficarem iguais, muito bem, se não, paciência.
    Por fim…
    Os olhais por onde passam os atacadores parecem-me bastante frágeis. Senti que se puxar os atacadores com um pouco mais de força para apertar bem as botas, vou acabar por partir um desses olhais. Isto porque são feitos em plástico, e não têm um aspeto muito resistente.




    Proteção:

    Este é um ponto muito importante para mim. Só quem nunca fez uma entorse é que pode não dar o valor a ter umas boas botas. Isto para não falar de outros perigos e que a mim nunca me aconteceram como por exemplo, espetar um prego no pé, bater com o tornozelo contra uma pedra, enfiar um pé num buraco cheio de ferros ainda agarrados ao cimento, etc…
    Umas botas devem servir para isso mesmo... proteger-nos!
    Estas botas mais uma vez, deixam-me com duvidas que sejam as melhores para essa função.
    Digo isto porque, já experimentei as botas em jogo. Não as testei ao limite, mas já deu para perceber que em algumas coisas falham mas noutras falham redondamente…
    Numa zona com várias paredes partidas, bati de lado contra um bloco de cimento. Obviamente que a bota protegeu a zona do tornozelo de danos graves, como um corte, mas eu senti e bem a pancada.
    Testei também a aderência das botas numa zona de agua com algum lodo. Mesmo a andar com bastante cuidado, sentia as botas a escorregarem. Posso afirmar com 100% de certeza que se fosse em situação de jogo, a andar ou correr sem qualquer cuidado, tinha escorregado naquela poça de água.
    Proteção de entorses. Não posso dizer que testei a 100% porque não tive nenhuma situação dessas. Mas sinto que mesmo dando alguma proteção, nunca será a 100%. Sentia o pé demasiado livre dentro da bota. Com as Delta originais isso não acontecia. O pé não andava apertado, mas sentia que estava seguro.



    Durabilidade:

    Neste aspeto ainda não posso dar a minha opinião. As botas são novas e nunca tive outras da mesma marca para saber a sua durabilidade.
    Apenas posso indicar que apenas fiz um jogo com elas e já têm bastantes marcas no couro.
    O que acaba por influenciar nesta questão, será sempre os locais de jogo onde vão usar as botas, o uso intensivo ou não das mesmas e a manutenção que lhes vão dar. Se fizerem uma boa manutenção, acredito que durem ou pouco mais que se não o fizerem.

    Deixo aqui uma nota solta, porque não sabia bem onde a enquadrar.
    Como já devem ter percebido, eu jogo com sniper. Durante os jogos tento fazer um misto entre Recon e Support. Sendo que de vez em quando lá me aventuro um pouco mais para dentro da ação.
    Um dos pontos a que todo o Sniper dá bastante importância é o silêncio…
    Snipers. Esqueçam o silêncio a usar estas botas. Não sei se será de serem novas ou se será do material, mas… Ao andar as botas fazem imenso barulho.

    Conclusão:

    Como já disse, para mim foram uma desilusão. Mas também não podia esperar muito mais de uma botas que custam cerca de 40€, em território nacional.
    O que eu posso dizer em defesa das botas é que, comparando com outras botas de outras marcas na mesma ordem de valores, acredito que estas acabem por ser bem melhores que umas MIltec ou Dragonpro destes valores.
    Em termos estéticos, são umas botas apelativas para quem goste de botas taticas e não as botas militares simples.

    Para quem tem um orçamento limitado, mas não quer deixar os pés à sorte de umas sapatilhas de 15€ da Decathlon, estas botas vão fazer o serviço.
    Para quem está habituado a usar botas de qualidade superior, vai sentir a diferença de qualidades e assim tal como eu fiquei, vão ficar também, bastante desiludidos.

    Fiquem atentos aos próximos e não se esqueçam de seguir:

    Facebook: https://www.facebook.com/LabordaOfficial
    Instagram: https://www.instagram.com/laborda_airsoft_official
    Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCxAjXYqvci3GitRkfWw3xVQ?view_as=subscriber

    Laborda out…